Vaga Lume missão Macapá: Voluntários entregam e leem livros para crianças locais

06/12/2016 13:16

Ler é uma atividade que muda nossa forma de ver o mundo. Por meio da literatura, estimulamos nossa fantasia e o ato de sonhar, fundamentais para sermos mais humanos. Entre um mocinho e uma vilã, entre um início enigmático e um fim inesperado, muitas vezes nos vemos e nos encontramos nos personagens e nas histórias narradas em um bom livro.

Pensando em proporcionar essas experiências, nosso parceiro social, a Vaga Lume, realiza há mais de 15 anos o projeto Expedição, o qual leva a criação de bibliotecas comunitárias e formação de mediadores de leitura para comunidades quilombolas, ribeirinhas e rurais de municípios da Amazônia Legal.

Entre 9 e 11 de novembro, Auderluce Santos e Fernando de Jesus, agentes de Aeroportos em MCP; Gleice Kelly Veloso, assistente de Diretoria em AZV; Celso Ribeiro, AzulTec de Bel; Carolina Constantino, coordenadora de Comunicação, Cultura e RSE; e Camila Macedo Dias, Líder no Azulcenter BHZ, estiveram na visita do projeto a Macapá e foram mediadores de leitura para crianças da Comunidade Campina de São Benedito e Comunidade Santa Cruz do Tracajatuba.

Ainda, tiveram a oportunidade de entregar novos livros para a biblioteca das comunidades, arrecadados em campanhas promovidas pela Azul nos últimos dois anos. Foram centenas de unidades com diversos títulos infantis. “Foi uma emoção, poder participar desse momento, sabendo que contribuímos diretamente para renovar o acervo dessas pessoas, que devoram livros”, conta Auderluce.

Já Gleice ficou impressionada com a preserva- ção da cultura local. “Com o acesso garantido e a mediação de leitura, os moradores tiveram a vontade de registar suas histórias, crenças e casos em livros artesanais, escritos e ilustrados por eles mesmos”, explica.

Para Fernando, mediar a leitura é fundamental para despertar o desejo e o hábito de ler. “Não basta ter a biblioteca. É preciso deixa-la divertida, agradável e desejada. Por isso, o papel de quem lê é vital para esse interesse”, conclui. Camila, teve a oportunidade de participar de uma capacitação para ser uma mediadora de leitura local da Vaga Lume. Clique aqui para assistir ao vídeo com o depoimento dela.

A presença da Azul no Programa Expedição reforça o olhar da companhia sobre as pessoas, o desenvolvimento local e a missão constante de servir ao outro. Além de enviar nossos Voluntá- rios Azul para serem agentes dessa mudança, apoiamos a instituição com passagens para capacitar os líderes como mediadores e transportamos os livros por meio da Azul Cargo Express para as 149 bibliotecas comunitárias da Vaga Lume.

Você precisa estar logado para comentar e interagir!
Login ou Cadastre-se